CURSO INTERVENÇÃO NO PROCESSO DE LUTO

luto2018-09-28T08:59:13+00:00
ENQUADRAMENTO

A perda por morte é uma experiência natural, dolorosa, penosa, espinhosa e cansativa. Certa, em algum momento da nossa vida, a dor do eterno adeus revela-se num emaranhado de sentimentos únicos e, que me boa verdade, ninguém está pronto para a viver. Sem receitas mágicas, cada um enfrenta o seu luto de forma diferente e, resistindo às saudades do invisível, enfrenta a ausência do passado exprimindo-se com as forças que tem e as que não julgava ter. Fazer dos momentos recordações e aprender a guardá-las como doces e irrepetíveis memórias, implica tempo. O tempo, esse aliado mais precioso. Falar da morte é expor o assunto mais penoso e tabu de toda a humanidade. Nesta certeza, resta ser resistente e fazer dela motivo de discussão, entrar na sua escuridão impenetrável e camuflada, assumir o mais certo e inevitável que a vida nos dá, abrir fronteiras imaginárias pelo desconhecido, reduzir estigmas, compreender o comum e diminuir medos.

Este é o desafio que vos proponho, através de uma abordagem pedagógica, científica e humanista.

DESTINATÁRIOS

Finalistas e Licenciados/ Profissionais das seguintes áreas Saúde, Ciências do Comportamento ou Área Social.

OBJETIVOS GERAIS

Dotar os participantes de conhecimentos e de competências teóricas e práticas em torno do luto no adulto e na infância.

COMPETÊNCIAS A DESENVOLVER NOS FORMANDOS

– Identificar as estratégias a adotar em contextos de luto no adulto, na infância e na terceira idade;

– Identificar as manifestações e intervenções do luto em contextos de morte anunciada;

– Reconhecer os factores mediadores em contextos de ideação suicida;

– Reconhecer a temática do luto, quer ao nível da caracterização do fenómeno quer ao nível da intervenção enquanto profissional.

FUNCIONAMENTO

O curso tem a duração de 16 horas e ocorrerá em dois sábados, funcionará, desde que hajam 15 formandos. Recorrer-se-á a uma metodologia andragógica, com uma componente essencialmente prática (destaca-se o privilégio das metodologias não-directivas, nomeadamente, métodos activos), tendo em conta os interesses e conhecimentos dos formandos, de modo a facilitar o aperfeiçoamento dos seus saberes e capacidades. Numa experiência interactiva de aprendizagem, poder-se-á recorrer a diferentes tipos de atividades, como é caso, das fichas de trabalho (preferencialmente grupal), do estudo de casos práticos, da exposição formal ou do role-play.

MATERIAL DE APOIO

Materiais pedagógicos relevantes utilizados na dinamização da ação.

.

ENCARGOS

O curso tem um custo de 100 euros, pagos de uma vez só no acto de formalização da inscrição. Os sócios da ANGES beneficiam de um desconto de 10%

AVALIAÇÃO

O curso será avaliado em sala, através de actividade definida pelo formador.

CERTIFICAÇÃO

A presença no mínimo de 90% das horas leccionadas, dará direito a emissão de um diploma pela ANGES -Associação Nacional de Gerontologia Social, e de um certificado com 16 horas de formação profissional carregada na plataforma SIGO – Sistema Integrado de Informação e Gestão da Oferta Educativa e Formativa, através da Turisforma – Formação e Consultadoria.

PLANO CURRICULAR

Conteúdos programáticos (16h)

1- Luto no Adulto (4h)
a) Manifestos e trajectos do luto
b) Mediadores do luto
c) Modalidades de luto complicado

2- Luto na Infância (4h)
a) Desenvolvimento, Conceito de Morte, Reações e Métodos de intervenção
b) Como a criança expressa a sua representação da morte?
c) A partir de que idade se deve falar da morte?
d) Comunicação de más noticia na infância.
e) As crianças devem presenciar rituais fúnebres?
f) Fatores mediadores no processo de luto na infância. O que prejudica o luto?

3- Luto na Terceira Idade (2h)
a) Manifestos e intervenção
b) Os idosos cuidadores da pessoa que está a morrer

4 – Intervenção em doença terminal (3h)
c) Luto Preparatório
a) Luto Antecipatório
b) Comunicação de más notícias

5 – Prevenção do suicídio (2h)
a) Manifestos, fatores mediadores e intervenção

6 – Os profissionais e o Luto (1h)
a) Características do profissional para acompanhar processos de luto

FORMADORA

MÁRCIA AMORIM

Licenciada e Pós-Graduada em Serviço Social pela Universidade Católica Portuguesa – Centro Regional de Braga; a concluir Pós-Graduação em Gestão de Instituições e Associações de Economia Social, pelo CRIAP. Directora de Serviços desde 2010 do Centro Paroquial e Social de S. João Baptista de Bico, com as respostas sociais de Estrutura Residencial para Pessoas Idosas, Centro de Dia, Serviço de Apoio Domiciliário e Centro de Convívio.

Pós Graduada em Aperfeiçoamento do Processo de Luto: Abordagem Integrativa pela Faculdade de Medicina de Lisboa – Universidade de Lisboa; Conselheira de Luto formada pela SPEIL – Sociedade Portuguesa de Estudo e Intervenção do Luto e Espaço do Luto. Conselheira de Luto individual e de grupos terapêuticos, Formadora e Conselheira de Luto na Equipa Inter-Hospitalar de Suporte Cuidados Paliativos ULSAM, formadora e docente em Pós-Graduações na área do luto parental, neo e perinatal, na infância, na terceira idade, nos profissionais, por suicídio e prevenção de suicídio, cuidados paliativos e cuidados paliativos pediátricos.

DATAS E LOCAIS

VILA NOVA DE GAIA  – 13 e 27 de Outubro 2018 – Delegação da Cruz Vermelha Portuguesa 

CASTELO BRANCO – 3 e 17 de Novembro 2018 – Auditório da Biblioteca Municipal 

INSCRIÇÕES

Para se pré-inscrever neste curso, envie um email para info@associacaoanges.pt, indicando o seu nome, número de telemóvel,  endereço de correio eletrónico e a localidade em que deseja frequentar. No assunto mencione a designação LUTO.

Ao enviar este email, nos termos da legislação em vigor sobre proteção de dados, expresso o meu consentimento para que a ANGES e parceiros envolvidos neste projeto utilizem os meus dados para contactos futuros.